Festival Fartura Comidas do Brasil chega à SP

Festival Fartura - Comidas Brasileiras

Com chefs e atrações gastronômicas do país todo, o Festival Fartura  – Comidas do Brasil chega a São Paulo em sua terceira edição. Saiba tudo e confira a programação.

Festival Fartura - Comidas Brasileiras

Nos dias 4 e 5 de agosto, o Festival oferece uma experiência completa ao público, apresentando a gastronomia desde sua origem até o prato. São estandes, receitas, aulas teóricas e práticas mostrando a diversidade da culinária brasileira

Mapear a gastronomia brasileira com seus personagens, produtores, cozinheiros, chefs, receitas, produtos e ingredientes – e seu caminho da origem até a mesa. Este é o trabalho realizado pela Plataforma Fartura – Comidas do Brasil. E nos dias 4 e 5 de agosto, a terceira edição do Festival Fartura – Comidas do Brasil São Paulo, no Jockey Club, materializa todo este conteúdo para o público com mais de 75 atrações gastronômicas, sendo o único evento que reúne na cidade representantes de todos os Estados brasileiros e do Distrito Federal. O calendário Fartura 2018 inclui a realização de festivais em BH, Fortaleza, Brasília, Porto Alegre (que aconteceu em maio), Belém, Tiradentes e Lisboa.

No Festival, os visitantes terão a oportunidade de experimentar pratos de chefs de todo o país, participar de palestras, aulas teóricas e interativas, assistir às cozinhas ao vivo e levar produtos e ingredientes para casa. Além de curtir uma programação artística pensada especialmente para o evento. Entre as atrações desta edição, estão o pianista de blues Ari Borger, o grupo instrumental Duo Finlândia e a banda Charanga do França, liderada pelo saxofonista e compositor Thiago França, entre clássicos da música brasileira e do jazz e composições próprias.

Festival Fartura - Comidas Brasileiras

Todas as atrações gastronômicas do evento foram pesquisadas por meio da Expedição Fartura – Comidas do Brasil, que já percorreu todos os Estados brasileiros, mais o Distrito Federal. Foram mais 70 mil quilômetros, visitando mais de 200 cidades e entrevistando mais de 500 personagens da culinária do país, coletando informações sobre chefs, produtores, produtos, ingredientes, mercados e receitas.

Neste ano, os Festivais acontecem do Sul ao Norte, em todas as regiões do Brasil. Já passou por Porto Alegre, em maio, e além de São Paulo acontecem em Tiradentes (de 24 de agosto a 2 de setembro), Belo Horizonte – nas versões tradicional (22 e 23 de setembro) e Kids (29 e 30 de setembro), Brasília (a informar), Fortaleza (10 e 11 de novembro), e Belém (26 e 27 de janeiro/19). A Plataforma Fartura também expandiu suas fronteiras e foi atrás de suas origens, em Portugal. No início de novembro, acontece a segunda edição do Festival Fartura – Comidas do Brasil em Lisboa.

A presença dos Festivais Fartura em todas as regiões, assim como a amplitude de suas pesquisas e o detalhamento dos conteúdos produzidos, consolidam o Fartura – Comidas do Brasil como a mais completa plataforma e fonte gastronômica do país. Confira os números e mais informações abaixo, após o serviço sobre o Festival em São Paulo.

Festival Fartura - Comidas Brasileiras
Festival Fartura - Comidas do Brasil

Confira a programação já confirmada:

Chefs e Restaurantes – Um espaço onde os chefs convidados preparam receitas especiais. Deliciosos pratos para que o público possa experimentar um pouco de tudo.

  • Cafira Foz, do Fitó (São Paulo, SP): arroz castanho caldoso, com galinha-d’angola marinada em especiarias, banana-da-terra frita e farofa de miúdos
  • Flávio Miyamura, do Extasia e Vino (São Paulo, SP): tostado de milho com atum marinado e salada de algas
  • Olga Soares, do Sagres (Brasília, DF): bacalhau espiritual
  • Rodrigo Levino, do Jesuíno Brilhante (São Paulo, SP): macaxeira na chapa com carne de sol cozida na nata fresca
  • Luiz Filipe Souza – Evvai (São Paulo, SP): pão de fermentação natural com recheio de lagarto de vitelo e molho de atum
  • André Saburó, do Quina do Futuro (Recife, PE): ebi korokke (croquete de camarão)
  • Rodrigo Bellora, do Valle Rústico (Garibaldi, RS): matambre recheado com pinhão e polenta de milho crioulo
  • Flávio Trombino, do Xapuri (Belo Horizonte, MG): porquinho do sertão com pirão de leite, pimenta-de-macaco rôti de buriti e couve refogada
  • Saulo Jennings, do Casa do Saulo (Alter do Chão, PA): arroz tapajônico com frutos do rio
  • Fabrício Lemos, do Origem (Salvador, BA): aratu com farofa de dendê e arroz de coco

Petiscos, Lanches e Doces – Neste espaço, as estrelas são as guloseimas, sanduiches e petiscos que são referência da cozinha brasileira preparados por chefs de várias partes do Brasil.

  • Miguel Romano, do Casa Godinho (São Paulo, SP): empadas, bolinho de bacalhau, queijadinha e pastel de nata
  • Tássia Magalhães, do Pomodori (São Paulo, SP): bolo de chocolate com calda
  • Aline Frey e Renata Vanzetto, do Me Gusta (São Paulo, SP): bolinho thai de peixe com curry verde e coentro
  • Manuella Ferraz, do A Baianeira (São Paulo, SP): pão de queijo recheado (requeijão de corte, goiabada e carne de panela)
  • Thiago Bañares, do Tan Tan Noodle Bar (São Paulo, SP): pão chinês no vapor, churrasquinho coreano de alcatra, conserva de acelga, pepino e gergelim
  • Victor Dimitrow, do Peti (São Paulo, SP): bolovo
  • Talita Avelino, do Atelier Talita Avelino (Manaus, AM): brownie amazônico castanha e geleia de cupuaçu, acompanhado de musse de cupuaçu com castanhas caramelizadas
  • Marco Gil – Celeste (Fortaleza, CE): nachos do sertão cearense (chips de macaxeira, molho de queijo manteiga, carne de sol salteada, creme de abacate, pimenta-de-cheiro, pimenta-dedo-de-moça, coentros, molho de pimenta e limão)
  • Julio Raw, do Z Deli (São Paulo, SP): sanduíche de pastrami
  • Caetano Sobrinho, do Caê Restaurante e Bar (Belo Horizonte, MG): coxinha de carne de sol e requeijão de raspa

Espaço Conhecimento – profissionais da gastronomia fazem palestras sobre cases de sucesso, pratos, receitas e produtos de várias regiões do país.

  • Márcia Garbin, do Gelato Boutique (São Paulo, SP): sorvetes com diferentes leites e como fazer sorvete em casa.
  • Ariani Malouf, do Mahalo (Cuiabá, MT): Maria Isabel exibida: arroz moreninho com bife de chorizo e banana-da-terra.
  • Daniel Rios, do Cruzeiro do Pescador (Tibau do Sul, RN): peixe Micaela
  • Wanderson Medeiros, do Picuí (Maceió, AL): jantar empratado para cinco mil pessoas.
  • Denise Rohnelt, do Letras Saborosas (Boa Vista, RR): o mundo maravilhoso dos tucupis
  • Célio Costa, da Festa do Berarubu (Tocantínia, TO): berarubu (cabeça de boi enterrada.)
  • Socorro Pereira, do Divina Arte (Macapá, AP): peixe frito com açaí
  • Nailton Lobato, do Restaurante Colonial (Alcântara, MA): doce de espécie (bom-bocado em formato de tartaruga).
  • Jesus Carvalho, do Longá (Teresina, PI): arroz de capote e galinha-d’angola

Espaço Interativo – Espaço onde o púbico é convidado a participar de aulas práticas, colocando a “mão na massa”, sob a orientação dos mais renomados chefs brasileiros.

  • Magda Moraes, do Aipim (Bonito, MS): trio de açaí, banana e bocaiúva
  • Manu Buffara, do Manu (Curitiba, PR): marinado de vegetais verdes e sorvete de iogurte
  • Carla Pernambuco, do Carlota (São Paulo, SP): vida na mesa – comendo mais leve
  • Ana Clóris – Anita Pâtisserie, de João Pessoa, PB: bombinha de paçoca
  • Márcio Santoro, da Plataforma Albanos de Cerveja (Belo Horizonte, MG): a arte de pururucar
  • José Hamilton de Santana, do Restaurante Cariri (Aracaju, SE): como preparar e comer a carne de caranguejo

Cozinha ao vivo – Área destinada à demonstração ao vivo de produção, preparo e venda de receitas diferenciadas dos chefs convidados.

  • Mário Portella, de Juiz de Fora (MG): Costelão
  • Rafa da Bocaína, do Curiango – Venda e Cozinha (Silveira, SP): porco
  • Pedro, do Massagueirinha (Maceió, AL): caldo de sururu
  • Barbara Verzola e Pablo Pavón, do Soeta, em Vitória (ES): arroz caldoso de siri com vinagrete de coentro e abacate
  • Diogo Sabião, do Pannino (Porto Velho, RO): paella amazônica
  • Marcia Pinchemel, de Goiânia, GO: arroz de puta rica
  • Alysson Müller, do Grupo Alysson Müller (Florianópolis, SC): arroz de polvo com linguiça Blumenau
  • Nathalie Passos, do Naturalie Bistrô (Rio de Janeiro, RJ): salpicão vegano

Produtos e Produtores: Espaço que apresenta produtos e produtores, pesquisados durante as Expedições, que são referência cultural e econômica de várias localidades do Brasil.

  • Linguiçaria Real Bragança (Bragança Paulista, SP): embutidos
  • Paca Polaca: geleias e picles
  • Fecularia Nossa Senhora das Brotas (Lindóia, SP): farinha de milho
  • Flor Gourmet (São Paulo, SP): biscoito em mandalas e canudinho de biscoito
  • Olam Acre (Rio Branco, AC): castanha do Brasil
  • Manioca (Belém, PA): geleias, molho de tucupi, licor de jambu, farinhas
  • Caminho do Queijo Artesanal Paulista (São Paulo, SP): queijos de São Paulo

SERVIÇO:

Festival Fartura – Comidas do Brasil São Paulo       

Datas: 4 e 5 de agosto

Horários: sábado, das 12h às 22h; domingo, das 12h às 20h

Local: Jockey Club de São Paulo (avenida Lineu de Paula Machado, 1263, Cidade Jardim).

Ingressos: 2º lote – R$ 25 (inteira) e R$ 12,50 (meia)

Vendas: sympla.com.br/farturasp

farturabrasil.com.br

facebook.com\farturabrasil

instagram.com\farturabrasil

Nunca ouviu falar da Plataforma Fartura – Comidas do Brasil?

A Plataforma Fartura – Comidas do Brasil percorre todo o país pesquisando a origem dos ingredientes e seu caminho até a mesa por meio da Expedição Fartura, que já visitou os 26 estados brasileiros e o Distrito Federal. Todo o conhecimento adquirido é transformado em conteúdo e disponibilizado no site e nas redes sociais (Facebook e Instagram), vídeos, livros, programas de rádio e em projetos customizados. A Plataforma Fartura – Comidas do Brasil recebeu o prêmio de Inovação em Turismo, do Second Runner-up – United Nation World Tourism Organization.

EXPEDIÇÃO FARTURA

A gastronomia brasileira é farta e rica – por isso a origem do nome da Plataforma. A expedição, desde 2012, acumula os seguintes números:

– 26 estados e o Distrito Federal visitados, fechando o ciclo do Brasil.

– mais de 70 mil quilômetros percorridos.

– mais de 200 cidades visitadas.

– mais de 500 personagens da culinária brasileira entrevistados.

FESTIVAL FARTURA – COMIDAS DO BRASIL

Os festivais levam o conteúdo da Plataforma ao público, em forma de experiência. Alguns resultados:

– Mais de 185 toneladas de alimentos servidos (2016 e 2017).

– Mais de 10 toneladas de insumos coletados para reciclagem somente em Tiradentes/2017.

– Mais de 4 mil atividades gastronômicas (1998-2017).

– Mais de 4 mil profissionais da gastronomia (1998-2017).

– Mais de 1.000 apresentações culturais (1998-2017).

– Mais de 700 mil pessoas (1998-2017).

Livros

Cada estado visitado pela Expedição Fartura tem um personagem que a gente não esquece. São produtores, chefs, mercados e receitas que têm aquele tempero a mais. Tudo isso é registrado e lançado em livros premiados nacional e internacionalmente. As publicações já ganharam prêmios como o Jabuti e por duas vezes o Gourmand World Cookbook – principal premiação gastronômica do mundo. As viagens resultaram em 5 livros até o momento.

Filmes

Cada edição da expedição gera vídeos com conteúdos que complementam os registros nos livros. Ao longo de quatro anos, o Fartura registrou inúmeras entrevistas em curta, média e longa metragens que são distribuídos em instituições educacionais, além de estarem disponíveis nas redes sociais. Inscreva-se em nosso canal no YouTube. Um deles recebeu o 1º lugar na 1ª Mostra de Ensaios de Sabores Audiovisuais – MESA, como melhor obra de até 30’.

Programa de rádio

Programas com as descobertas e dicas gastronômicas da curadora Luiza Fecarotta, obtidas durante as Expedições. Rádio CDL FM, 102,9, em Belo Horizonte, de segunda a sexta-feira, três vezes ao dia.

Site e Redes Sociais

O portal Fartura – Comidas do Brasil tem como missão reunir o conteúdo coletado na Expedição e tornar acessível o compartilhamento desse material. No site, assim como nas redes sociais como Facebook e Instagram, encontram-se receitas, vídeos, informações dos festivais, curiosidades gastronômicas e até contato dos produtores.

Conteúdos e viagens customizados

A partir do conhecimento adquirido pela Plataforma, são construídos produtos específicos para empresas dos setores de alimentação, aviação, turismo, entre outros. Os conteúdos são desenvolvidos entendendo a estratégia de marca de cada cliente. Tanta informação compartilhada também possibilitou que a Fartura criasse viagens customizadas. A primeira edição aconteceu em Porto Alegre, quando um grupo fechado participou de um roteiro gastronômico exclusivo e inesperado. O próximo roteiro será realizado na capital paulista, proporcionando novas experiências aos viajantes.

Via Assessoria

About

Publicitário, pós-graduado em Gestão de Marketing e com mais de 15 anos de experiência como criativo, escreve em blogs desde 2004, adora Instagram, é cervejeiro, sneakerhead e autor do livro
 "Hora do gole, aquela pausa entre umas e outras".

You may also like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: