Goose Island lança Bourbon County no Rio

bourbon county

A rara cerveja Bourbon County da Goose Island vai chegar ao Rio em barril de 19,5l, da safra de 2017.

Pela primeira vez para, a Goose lança sua Bourbon County no Rio de Janeiro

A espera finalmente chegou ao fim. Um mês após desembarcar em São Paulo, uma das principais cervejas do mundo pega a ponte aérea e chega ao Rio de Janeiro. A Goose Island traz pela primeira vez para a capital carioca a Bourbon County, uma das mais raras bebidas da marca. A cerveja será lançada na próxima quinta-feira, dia 5, no Brewteco Leblon, às 19h.

A Goose Island vai disponibilizar um único barril de 19,5l para os amantes da bebida poderem apreciá-la. Cada copo de chope, de 150 ml, terá o custo de R$ 28. A sommelière Beatriz Ruiz e o mestre-cervejeiro Guilherme Hoffman estarão no local para apresentar a cerveja e conversar com o público.

A nova safra de Bourbon County foi trazida ao Brasil, em edição limitada, para comemorar os 30 anos da cervejaria. Criada pelo filho do fundador da marca – Greg Hall – é uma das mais raras cervejas do mundo, afinal, é produzida apenas uma vez a cada ano.

Essa Imperial Stout é maturada em barris de whisky bourbon por cerca de 150 dias, elevando o teor alcoólico da cerveja e a deixando ainda mais aromática e complexa, com as notas do Bourbon. Uma de suas safras já foi considerada a melhor do mundo no World Beer Cup e possui notas máximas nos principais rankings de cerveja.

SOBRE A GOOSE ISLAND

Goose Island é uma marca pioneira de cervejas artesanais, com uma longa tradição e um forte histórico em inovação. A missão da marca é continuar a ser líder na arte de criar cervejas que definem estilos, ganham prêmios e cativam o coração e o paladar de bebedores de cerveja por todo o mundo. Goose Island quer inspirar os consumidores a compartilharem o prazer pela cerveja.

 

Via Assessoria

About

Publicitário, pós-graduado em Gestão de Marketing e com mais de 15 anos de experiência como criativo, escreve em blogs desde 2004, adora Instagram, é cervejeiro, sneakerhead e autor do livro
 "Hora do gole, aquela pausa entre umas e outras".

You may also like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: